Os fungos do género Candida (C. albicans, C. glabrata, C. krusei, C.tropicalis) são fungos, leveduras pertencentes à flora normal da pele e membranas mucosas do trato digestivo, micção e reprodução. Habitam principalmente nas cavidades quentes, húmidas e nas profundidades escuras do corpo humano, mas podem migrar também nas outras partes do corpo, especialmente quando o sistema imunitário entra em colapso.

A mais famosa do género Candida é a Candida albicans (traduzido livremente como “candida branca” porque cria colónias esbranquiçadas) que geralmente gera problemas após o uso de antibióticos, esteróides, hormonas (pílulas anticoncepcionais), durante a gravidez, a menstruação, com o uso frequente do sabão alcalino , uso de roupa interior inadequada, depois da quimo e radioterapia. A expansão do fungo também está ligada a algumas doenças como as diabetes, o distúrbio da tiróide, lúpus e outras doenças auto-imunes, SIDA, doenças tumorais, no transplante de órgãos, etc ..

 Kandida test namenjen ženama  Kandida test namenjen muškarcima
TESTE DE MULHER
clique aqui
HOMEM TESTE
clique aqui

Quando é que a Candida se torna agressiva?

Quando o ambiente onde se encontra lhe permite o seu crescimento é descontrolado. O sistema imunitario forte e a flora bacteriana normal (bifidus, Lactobacillus acidophilus) impedem o crescimento excessivo do fungo, mas quando se trata de distúrbio no equilíbrio ocorre a candidíase. O tratamento com antibióticos geralmente leva a candidíase em pessoas que de outra forma têm boa imunidade. Os antibióticos, além de destruir bactérias patogénicas, reduzem significativamente o número de bactérias boas onde se deixa espaço livre suficiente na desprotegida mucosa para a propagação da Candida.

A Candida pode estar presente na cavidade oral, da faringe, da língua, no nariz, na expectoração, nos brônquios dos pulmões, no aparelho digestivo, na urina, nas orelhas, vaginal, na externidade da pele, nas unhas, no sangue. Por isso os possíveis sintomas variam muito e são inespecíficos:

  • camadas brancas na língua e na boca, tosse irritante e seca, dor na boca, faringe, dificuldades na respiração, nariz entupido cronicamente, ronquidão, falta de ar, constipacões constantes e repetidas e garganta vermelha,
  • inchaço abdominal, perda de apetite, disfunção intestinal, alterações nas fezes de líquido para sólido, indigestão, perda de apetite, rachaduras finas na língua e camadas brancas, diarreia, fezes mucosas, coceira anal,
  • depressão, nervosismo, retenção de líquidos, náuseas, dor de cabeça, pele áspera, seca, rachada, memória fraca, tontura, insonia, perda de concentração, inquietação, zumbido nos ouvidos, comichão nos ouvidos,
  • fraqueza muscular, inchaço das articulações, dor muscular, alteração no sentido do olfato, paladar, visão e audição, paladar salgado ou metálico na boca, úlceras na boca, visão turva
  • manchas inexplicáveis ​​na pele, ataques de fome, desejo irresistível de comer doces, baixa tolerância ao álcool, dor nas articulações, baixo teor de ferro e zinco, cronicamente baixo valor de leucócitos,
  • candidíase genital – nas mulheres ocorre formigamento e coceira genital e corrimento vaginal que normalmente é branco. A vermelhidão é um sinal de inflamação, e a vagina é coberta por colónias de fungos brancos. Nos homens, os sintomas geralmente não ocorrem (ou seja são portadores assintomáticos). Podem aparecer camadas brancas na glande e no prepúcio. Pode ocorrer corrimento no útero também. Os sintomas são especialmente pronunciados após a relação sexual, pois o atrito aumenta ainda mais a sensação de ardor e prurido. Nas mulheres após a relação sexual pode ocorrer dor. A comichão pode-se espalhar para a área ao redor do ânus.
  • candidíase infantil – ocorre com frequência em lactentes e crianças jovens, raramente em adultos, nas membranas mucosas da boca e da língua, sob a forma de camadas esbranquiçadas, que têm um aspeto de ‘leite denso’. Abaixo dessas camadas
  • encontram-se feridas que são dolorosas e dificultam a alimentação das criancas.
  • Candidíase da pele – candidíase da pele é gerada nos espaços entre os dedos,
  • geralmente entre o terceiro e quarto dedos. Ocorre na forma de vermelhidão limitada, camadas esbranquiçadas, humidade e comichão. A doença é muitas vezes vista em donas de casa, confeiteiros e pessoas que muitas vezes trabalham com as mãos na água. Candidíase de pele ocorre com frequência em pacientes obesos nas superfícies dobradas , onde duas superfícies da pele se tocam e esfregam, ou abaixo das mamas das mulheres. Nesses locais aparecem claramente limitadas, em forma de placa vermelha e molhada em cuja superfície se notam bolhas e pústulas.

Como podemos curar a candidíase?

Com o óleo de orégão selvagem (Origanum minutiflorum) e alimentação adequada.

O óleo de orégão selvagem é bebido em ciclos de três semanas com intervalos de 10 dias entre os ciclos. O óleo bebe-se três vezes ao dia, após as refeições, diluído em colher de chá de óleo digestivo (prensado a frio, azeite não refinado, de coco, de girassol, óleo de linhaça …). Eventualmente, o óleo pode ser diluído em uma colher de chá de mel ou creme de leite gordo. A fim de melhor dissolver o óleo é necessário agitar ainda mais o conteúdo, e então rapidamente engolir (não mantenha na boca, porque o óleo é muito quente, pode beber um copo de água fria depois de beber o óleo). A dose inicial 3×1 gota, a cada três dias aumentar o número de gotas por uma (3×2, 3×3, 3×4), quando se chega as 12 gotas por dia (3x4gotas) o óleo é bebido desta forma até ao final da terceira semana. Em seguida, faz-se uma pausa de 10 dias (de preferência, fazer análises de controle). Se a infecção persistir (fungos muito resistentes, imunidade extremamente fraca) deve ser repetida o ciclo de beber o óleo.
No que toca a alimentacao adequada, a base consite na redução da ingestão de hidratos de carbono, que normalmente fornecem comida para o fungo. Ao reduzir drasticamente o consumo de hidratos de carbono muito rapidamente se nota a redução da quantidade de Candida no corpo.

Alimentos proibidos:

  • todos os tipos de grãos (trigo, centeio, cevada, aveia, milho, trigo mourisco, arroz, milho …) e cereais (pão e pastelaria).
  • todos os tipos de doces e açúcar (substituto do açúcar adoçantes naturais)
  • alimentos processados industrialmente (comer apenas alimentos que podem ser feitos na própria cozinha com ingredientes frescos)
  • leite e produtos lácteos desnatados (leite desnatado tem menos gordura, mas mais açúcar do leite – lactose que alimenta o fungo)
  • legumes – batatas
  • frutos – frutos muito doces (bananas, uvas) e frutos secos
  • óleos vegetais refinados

Os alimentos que são recomendados na dieta anti-candida:

  • Legumes (exceto batata todos)
  • Carne – todos os tipos, sem limitação,
  • Peixes e frutos do mar
  • produtos lácteos com muita gordura – queijo de gordura (45% de gordura), creme de leite
  • frutas – com menos açúcar (limão, laranja, kiwi, maçã ácida) e moderadamente (uma fruta por dia)
  • avelãs, amêndoas, nozes, e todos os tipos de sementes
  • óleos vegetais prensados a frio e não refinados, gorduras animais

Uma dieta pobre em hidratos de carbono e rica em gordura (dieta LCHF) não afetará negativamente o nível de colesterol e aterosclerose. No mundo existe muita documentação científica que confirma que esta dieta é propícia para a nossa saúde e que não devemos ter medo de colesterol, mas sim do açúcar, alimentos industriais e óleos vegetais refinados, que são os principais culpados para o crescimento excessivo de Candida no corpo!

dr med. Bojana Mandić

Referências:
http://pmj.bmj.com/content/78/922/455.abstract

http://www.nlm.nih.gov/medlineplus/ency/article/000626.htm

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1797637/

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK2486/

http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/j.1467-789X.2012.01021.x/abstract;jsessionid=7396D07C42DB2B84642D35158B132AF9.d04t04

http://ajcn.nutrition.org/content/91/3/535.long

http://link.springer.com/article/10.1007%2Fs00394-012-0418-1

http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/j.1464-5491.2005.01760.x/abstract;jsessionid=F2FCA81A7A0BD31D425BCDD7291C4D9E.d03t01?systemMessage=Wiley+Online+Library+will+be+disrupted+2+July+from+10-12+BST+for+monthly+maintenance